Câmara de Assuntos Comunitários apresenta diagnóstico de Segurança Pública

267

Com presença do Prefeito Nelson Bugalho, o Codepp (Conselho de Desenvolvimento de Presidente Prudente) recebeu nesta segunda-feira (23) integrantes da “Câmara de Assuntos Comunitários e Segurança” para apresentação do diagnóstico social da Segurança Pública de Presidente Prudente.

Iniciado em setembro de 2017, o projeto foi liderado por Zelli Fernanda Penachi Marcondes e desenvolvido em parceria com Conseg de Presidente Prudente, Defensoria Pública, Ministério Público, Polícia Militar, Polícia Civil e alunos do curso Serviço Social e Gestão Social da Toledo Prudente. Sua metodologia foi embasada nos dados apresentados pelas entidades para construção do parecer e análise.

O discente do 7º termo Emerson Tavares apresentou o relatório com dados estatísticos cedidos no site da Secretaria de Segurança Pública, onde concluiu-se que as demandas estão intrínsecas principalmente em situações de álcool e drogas, violência contra mulher, criança e idoso, centralização de pessoas em situação de rua, ausência de serviço de acolhimento, precariedade na área de habitação/alimentação/proteção, abandono familiar, ausência de vagas em escolas, crimes de furtos e roubos, perturbação do sossego, homicídio, crime organizado, superlotação nos presídios, espaços públicos desprovidos de manutenção, falta de acesso ao Ensino Superior, saúde, cultura e lazer.

Conforme, as sugestões para intervenção tangem no trabalho de prevenção e tratamento às drogas, atenção ao combate à violência doméstica e de vulneráveis, investimento em educação, cultura, lazer e esporte e melhoria da engenharia do trânsito.

Após acompanhar a apresentação, o Prefeito Nelson Bugalho parabenizou a iniciativa, justificou algumas ações que estão sendo tomadas na linha diagnosticada e disse que a pesquisa será encaminhada para todas as Secretarias do município que tenham interface no diagnóstico.

Outras tratativas
Durante a reunião mensal do Codeep, também foi tratado o andamento das câmaras setoriais. Em nome da Câmara de Desburocratização, o contabilista Sergio Itio Turuta reforçou que as propostas foram entregues diretamente ao Executivo e Secretaria do Desenvolvimento em conjunto com a Associação dos Contabilistas. O pedido é que se desburocratize diretrizes que dificultam a abertura e o encerramento de uma empresa. “Queremos um ambiente que facilite e incentive negócios, já que um empresário leva de 90 dias a quase dois anos para que consiga efetivamente funcionar seu empreendimento por conta da burocratização”, enfatizou Turuta.

Recente no cargo, o Promotor de Urbanismo e Habitação, Jurandir Pinheiro, tratou do Plano Diretor do Município, o qual há 10 anos não sofre atualização das leis e temas importantes. “Disponho-me a contribuir no Plano Diretor para crescer de forma ordenada”, disse. Representando o Secretário de Planejamento Urbano e Habitação, José Nivaldo Luchetti, Márcio Litholdo acrescentou dizendo que a revisão segue atualmente na Secretaria de Assuntos Jurídicos para que seja apresentado à Câmara Municipal.

Marcos Lucas ressaltou o importante papel do Portal da Transparência onde a UEPP ladeou sete propostas que traduzem o anseio da sociedade civil local e regional. O propósito é que o novo portal deva disponibilizar, dentre outras, o fácil acesso a informações, exportação de dados em diversos formatos eletrônicos, desburocratização na identificação, análise mais atualizada e relação de empresas. Marcos disse que no momento a entidade aguarda novo feedback do Executivo.

Com foco na normatização, o Secretário interino, Carlos Casagrande informou que a Secretaria de Desenvolvimento encaminhou a Lei do ambulante (Lei Prodepp) à Secretaria de Assuntos Jurídicos, passando para a Vigilância Sanitária, Secretaria de Finanças e, por fim, Câmara Legislativa.

UEPP

A União das Entidades de Presidente Prudente e região prevê para o dia 15 de agosto o lançamento da campanha Vote Consciente cujo mote desse ano é o incentivo da representatividade de candidatos da região em Brasília, a sensibilização da população para votar e a cobrar as propostas após o pleito. Na ocasião, a UEPP convidará candidatos aos cargos de Deputado Estadual e Federal da região para assinatura do termo de compromisso com a cidadania.

Assessoria de Imprensa / Francinara Nepomuceno

Comentários