Inaugurada sede própria do Instituto Mirim de Bataguassu

341

A sede própria do Instituto Mirim de Bataguassu foi inaugurada na última quinta-feira, dia 18 de outubro, às 9 horas (horário Brasília). A solenidade reuniu autoridades municipais, representantes de empresas conveniadas a instituição além dos menores aprendizes.
Implementado em 2014, o Instituto Mirim de Bataguassu atua na inserção do jovem ao mercado de trabalho. Um total de 429 mirins já foram atendidos até o momento.

O novo prédio da instituição, que foi cedido pela prefeitura fica localizado na rua Acre, 11, no bairro Jardim Santa Luzia e possui duas salas de aula, uma sala de informática, um refeitório, sala administrativa, sanitários, cozinha e recepção.

Para a reforma do local e aquisição de mobiliários, computadores e equipamentos, foram investidos recursos na ordem de R$ 300 mil disponibilizados pela Prefeitura (R$ 150 mil) e pela Vara do Trabalho de Bataguassu (R$ 150 mil).

Durante o evento, a coordenadora do Instituto Mirim, Elizete Duarte Oliveira ressaltou a importância das parcerias que atualmente oportunizam o apoio a 104 aprendizes que permanecem em atendimento. “O resultado desse apoio é que podemos ver: uma instituição preparada para receber os adolescentes e jovens; promover o desenvolvimento de suas competências, preparando-os para o mundo do trabalho”, comentou a coordenadora.

Elizete agradeceu ainda os representantes dos Poderes Executivo e Judiciário pela destinação de recursos para a reforma e aquisição de equipamentos voltados a instituição assim como as instituições Senar-MS/Sindicato Rural de Bataguassu, Sebrae-MS, que colaboram com a transformação dos jovens por meio de capacitações, oportunizando uma educação sócio-profissional.

O juiz da Vara do Trabalho, Antonio Arraes Avelino parabenizou o empenho da diretoria do Instituto Mirim pela utilização correta do recurso disponibilizado pelo judiciário em apoio à instituição e destacou a importância da união de esforços para o bem comum. “Estamos plantando sementes para colher os frutos em um fruto próximo”.

Em seu pronunciamento, o prefeito Pedro Arlei Caravina (PSDB), que é o idealizador do projeto agradeceu a presença de todos os presentes no ato e disse que a implementação do Instituto Mirim será o maior legado deixado para a comunidade de Bataguassu durante seus oito anos de mandato. “As obras físicas são importantes, porém, a transformação social, moral e profissional na vida desses jovens que frequentam o Instituto Mirim não se tem comparação”, pontuou.
Caravina agradeceu também a união dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário que tem contribuído para o desenvolvimento do município e falando especificamente do projeto destacou a importância das empresas conveniadas que oferecem a oportunidade aos jovens do projeto.

Durante o evento, o prefeito Caravina, o juiz do Trabalho Antonio Arraes e o ex-coordenador do Instituto Mirim, José Carlos Guedes foram homenageados pelos representantes da instituição.

Estiveram presentes no ato, os vereadores Dennis Thomazini, Reginaldo Alves Costa e Renatinho; secretários municipais; representantes das empresas Blubrasil, Cooperativa Camda, Frigorífico Marfrig e Regional Telhas; representante do Corpo de Bombeiros local; o presidente do Instituto Mirim, Ailton Pinheiro Ferreira; o comandante da Polícia Militar, major Tony de Oliveira; o presidente do Conselho Municipal dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes, Ademir Rachel; o presidente do Sindicato Rural de Bataguassu, Manoel Agripino Cecílio de Lima; e membros da diretoria da instituição.

AI PREFEITURA BATAGUASSU / Fotos Assecom Prefeitura de Bataguassu

Comentários