Ciee tem 23 vagas de estágio disponíveis para estudantes do Oeste Paulista

316

Oportunidades estão divididas entre sete cidades da região de Presidente Prudente e são voltadas a alunos dos ensinos médio, técnico e superior.

Nesta semana, o Centro de Integração Empresa-Escola (Ciee) oferece 23 vagas de estágio para estudantes dos ensinos médio, técnico e superior. As oportunidades estão disponíveis em sete cidades do Oeste Paulista. O valor da bolsa-auxílio ultrapassa os R$ 950.

2 vagas para estudantes do 2º ao 3º ano de comunicação social que moram em Presidente Prudente ou região. A bolsa-auxílio varia de R$ 600 a R$ 650 para 30 horas semanais.
1 vaga para alunos do 1º ao 4º ano de contabilidade que residem em Presidente Prudente ou região. A remuneração é de R$ 954 para 30 horas semanais.
2 vagas para quem cursa do 1º ao 3º ano de administração e mora em Presidente Prudente ou região. A bolsa-auxílio é de R$ 700 para 30 horas semanais.
1 vaga para estudantes do 1º ao 2º ano de gestão comercial que moram em Presidente Prudente ou região. A bolsa-auxílio é de R$ 700 para 30 horas semanais.
2 vagas para alunos do 1º ao 2º ano do ensino médio que residem em Presidente Prudente ou região. A remuneração varia de R$ 203 a R$ 600 para 30 horas semanais.
7 vagas para quem cursa do 1º ao 4º ano de administração e mora em Adamantina, Lucélia, Osvaldo Cruz, Paulicéia, Inúbia Paulista ou região. A bolsa-auxílio varia de R$ 550 R$ 605 para 30 horas semanais.
3 vagas para estudantes do 1º ao 4º ano de arquitetura/urbanismo que moram em Adamantina ou região. A bolsa-auxílio é de R$ 500 para 30 horas semanais.
1 vaga para alunos do 1º ao 4º ano de ciência da computação ou técnico em informática que residem em Lucélia ou região. A remuneração é de R$ 600 para 30 horas semanais.
1 vaga para quem cursa do 1º ao 4º ano de enfermagem ou técnico em enfermagem e mora em Tupi Paulista ou região. A bolsa-auxílio é de R$ 500 para 30 horas semanais.
3 vagas para estudantes do 1º ao 5º ano de engenharia civil que moram em Adamantina ou região. A bolsa-auxílio é de R$ 500 para 30 horas semanais.

G1 PRUDENTE

Comentários