Projeto Aquarela planeja retomada do InovaKids

Atividades de educação tecnológica devem retornar em outubro

136
Integrantes da Fundação Inova e Projeto Aquarela, em sala do InovaKids

Foi no intuito de oferecer educação tecnológica as mais diferentes áreas do município que a Fundação Inova Prudente, através do seu projeto InovaKids, firmou no final de 2019, uma parceria com o Projeto Aquarela, programa que atende cerca de 300 crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade.

Contudo, por conta da pandemia da Covid-19, as aulas do projeto InovaKids, que tiveram início em fevereiro de 2020, foram suspensas logo no mês seguinte. Mas agora, a expectativa da secretaria de Assistência Social, que é responsável pela gestão do projeto Aquarela, é que as atividades retornem em outubro.

A secretária de Assistência Social, Clélia Tomazini, disse que tudo está sendo preparado para a retomada das atividades. “Estamos com muita esperança que o projeto InovaKids volte a atender as crianças e adolescente no final de setembro ou começo de outubro, que é quando a equipe de educadores vai estar mais completa com pelo menos uma boa parte das pessoas envolvidas já vacinadas.”

Para a secretária, o projeto Inova Kids veio de encontro com tudo que está acontecendo no momento. “Essa parceria é de extrema importância porque vem dar suporte às crianças e adolescentes ao que diz respeito a tecnologia. Essa inclusão digital faz parte dessa “nova era” que estamos vivenciando por conta da pandemia. Cada vez mais é importante entrar nessa “nova era”, ter acesso a tecnologia. E é isso que o governo de Prudente deseja: que todos tenham a oportunidade de aprender sobre as novas tecnologias.”

Retomada das aulas

O coordenador do Aquarela, Fernando Diamante, acrescentou que toda a estrutura está pronta, só esperando os alunos. “Estamos com material e equipamentos prontos pra serem utilizados pelas crianças e adolescentes do projeto. Funcionários foram capacitados para as oficinas que vão ser desenvolvidas para que as nossas crianças possam ter noções básicas de informática, pois a tecnologia está cada vez mais presente na sociedade.”

O InovaKids vai funcionar no projeto Aquarela com 3 salas direcionadas para as atividades de informática (programação), realidade virtual (robótica) e experiência em química e física (laboratório). De acordo com o educador social e professor de informática do InovaKids, Ronaldo Marino, a inclusão digital é muito importante para preparar as crianças e adolescentes para o mundo de hoje. “A tecnologia está presente no nosso cotidiano. Então é preciso incluir todos nessa “era digital”. Mesmo que a criança ou o adolescente não for trabalhar especificamente com informática, elas terão pelo menos as noções básicas necessárias sobre essa área”.

Ronaldo acrescenta ainda, que na parte de informática do Inova Kids, os alunos vão aprender programação. “Nós vamos trabalhar as habilidades deles (alunos). Eles terão noção de alguns programas gratuitos como Scratch Junior, numa versão mais simplificada, Scratch e CODE. As crianças e adolescentes do projeto Aquarela vão ter a oportunidade de criar um jogo só seu.”

Para Diego Andreasi, diretor-presidente da Fundação Inova, ter unidades descentralizadas do InovaKids retomando as atividades, como é o caso dessa parceria com o Projeto Aquarela, é um dos objetivos traçados pela Fundação Inova. “Está de encontro com o plano de governo do município, que visa promover ações de inclusão digital para a sociedade, nesse caso, com foco em crianças e adolescentes.”

Em nota: O decreto 31.451/2020 institui o programa Inova Kids de educação inovativa, executado pela Fundação Inova Prudente em regime de parceria com as secretarias municipais de Educação (SEDUC) e da Tecnologia da Informação (SETEC). Desde a sua criação, o projeto já atendeu mais de 5 mil crianças do município.

Fonte: Fundação Inova Prudente

 

Comentários

- PROPAGANDA -