Conheça a emocionante história da Colônia Árpád: lançamento de livro sobre a Classe Emigrante

0
816

Com o objetivo de preservar a história da comunidade húngara que se estabeleceu em Presidente Epitácio/SP, o autor Carlos Alberto Szucs lançará o livro “Árpád Falva: Memórias de uma Colônia Húngara”. A obra, que conta com a colaboração de suas quatro irmãs Luiza Szücs, Margarida Szücs, Verônica Szücs e Sônia Elisabeth Szücs, foi concluída em dezembro de 2022 e será lançada em 13 de maio de 2023.

A pesquisa para o livro teve como objetivo entender as origens dos antepassados da família Szücs e os motivos pelos quais eles decidiram deixar a Europa e se mudar para o Brasil. A partir de uma abordagem histórica, o livro apresenta os costumes, a culinária e os traços culturais que os imigrantes trouxeram na bagagem e que, de certa forma, ainda são preservados na Colônia Árpád.

Ao longo das 214 páginas, a obra apresenta a cronologia dos fatos, desde a decisão de entrar no programa de emigração para o Brasil em viagem de navio até os dias de alegrias e tristezas vividos na colônia. Para evidenciar toda essa história, o livro destaca algumas memórias emblemáticas e traz receitas de família da culinária húngara.

As histórias presentes no livro são ricas em conteúdo e ilustrações, e contam um pouco do que foi a própria Colônia Árpád, considerada a maior colônia húngara do Brasil. Além disso, o livro insere a história da colônia no contexto histórico do município de Presidente Epitácio/SP.

O livro será distribuído gratuitamente no evento de lançamento, mas os autores sugerem que cada leitor possa contribuir com uma ação social realizando uma doação “pix”, que será transformada em cestas básicas para famílias em vulnerabilidade social. Além disso, uma doação será feita à Associação Recreativa e Cultural da Colônia Árpád (ARCCA).

“Árpád Falva: Memórias de uma Colônia Húngara” ficará como um referencial à disposição dos familiares, das pessoas interessadas em conhecer um pouco mais da Árpád Falva, bem como será colocado à disposição de escolas, bibliotecas, universidades da região, associações histórico-culturais como a da Colônia Árpád, Casa Húngara de São Paulo, Consulado Geral da Hungria e ao Município de Presidente Epitácio, através de sua Secretaria de Turismo e Cultura.

O lançamento do livro é um importante evento para a preservação da história da comunidade húngara que se estabeleceu em Presidente Epitácio/SP e um exemplo de como a cultura e as tradições podem ser passadas de geração em geração.
redação Tribo