Secretário de Saúde de Epitácio pede apoio da população para combater abandono de animais

Alemão Tedesco destaca que abandonar animais é crime

0
174

Pegar um animal doméstico para cuidar e criar é um gesto de amor, mas que muitas vezes desaparece aos primeiros sintomas de doença no animal ou quando ele envelhece e passa a precisar de cuidados constantes, e os animais são então abandonados.

Infelizmente essa é uma realidade que fica cada vez mais escancarada em Presidente Epitácio, onde muitas pessoas querem ter o bônus de ter um animal doméstico, que é a companhia, o amor que o animal tem por seu dono ou tutor, mas não estão dispostas a assumir o ônus de efetivamente cuidar do animal: vacinar, encoleirar, cuidar da saúde dele, castrar se não estiver disposto a assumir eventuais filhotes, e o resultado disso são animais cada vez mais sendo jogados nas ruas, nas casas de cuidadores e no próprio Centro de Controle de Zoonoses (CCZ).

“Acontece que ninguém, cuidadores ou o poder público, tem condições de arcar com tamanha irresponsabilidade de parte dos donos de animais domésticos que, ao encontrarem um problema com o animal, não tem vergonha de despejá-los nas ruas, nos vizinhos, causando não só sofrimento ao animal, mas também problemas de saúde pública”, disse Alemão Tedesco, secretário municipal de saúde.
Ele destaca que abandono de animais é crime e pode dar até cinco anos de prisão. “Para quem não acredita nisso, em conversa com a promotora responsável por esse tema na nossa comarca, ficou claro que não ficará impune”, afirmou Tedesco.

“Ao presenciar o abandono de animais, você deve denunciar registrando através de filmagem, foto ou anotando a placa de veículos e informar rapidamente a polícia. Ligue 190, você estará fazendo justiça aos animais e também ajudando a cuidar da saúde pública. Quem não quiser ter responsabilidades, que não pegue animais domésticos para criar”, finalizou Tedesco.

Por Assessoria de Imprensa de Presidente Epitácio

 

Comentários