Codepp realiza primeira reunião ordinária após posse da gestão 2019

242

Integrantes do Codepp (Conselho de Desenvolvimento Econômico de Presidente Prudente) compareceram na Prudenprev nesta terça-feira (28) para pautar projetos, dentre eles, a possível desestatização do Aeroporto Estadual Adhemar de Barros, Expo Prudente, setor industrial e ações filantrópicas.

Por meio das câmaras técnicas e temporárias, o objetivo central do Codepp é conectar a sociedade civil, governo municipal e empresas a fim de acelerar o desenvolvimento econômico de Prudente e, por sua vez, a região. Por isso, cada câmara fica responsável por desenvolver ações e projetos onde são apresentados no encontro mensal com todos componentes para deliberação e, então, encaminhar ao Governo Municipal.

O secretário municipal de Finanças, José Nivaldo Luchetti, abordou sobre a câmara temporária Aeroporto e Receita Federal. De acordo, dentre a área de 202 mil m² doada pela Prefeitura de Prudente a qual inclui a construção de nova sede da RF (mas que atualmente aguarda o desdobramento da Superintendência do Estado de São Paulo), um terreno será destinado para a ampliação do aeroporto, cujo projeto dependerá da vistoria do Daesp (Departamento Aeroviário do Estado do SP) para possível desestatização.

Nesse sentido, a Aviesp (Associação de Viagens do Estado de São Paulo) e a UEPP (União das Entidades de Presidente Prudente e Região), por meio do presidente, Marcos de Carvalho Lucas, mostrou preocupação com a notícia de estudo da viabilidade técnica do aeroporto, trabalho esse que já foi realizado algum tempo atrás e está sendo feito novamente. “Esse estudo tem o dever de contemplar todos os quesitos necessários a retratar o atual movimento de embarques e desembarques, prospectando o futuro”, salientou Marcos.

Representando a câmara técnica Tecnologia e Inovação, o publicitário Xando Natsume sugeriu que seja criado um censo do mercado industrial municipal, já que hoje Prudente comporta 492 indústrias e 570 empresas de tecnologia, mas que isso não é perceptível aos olhos da maioria da população.

Em seguida, o presidente da OAB 29ª Subseção, Wesley Cotini, e a primeira dama, Lisiane Zangirolami Bugalho, explanaram sobre ações conjuntas que podem ser trabalhadas na câmara da Fraternidade, por meio da divulgação das funções realizadas no Fundo Social Municipal e entidades assistenciais. “Sem vínculos políticos, o Fundo Social une forças diariamente para o mesmo objetivo, que é ajudar pessoas, por isso, além da doação material, também contamos com o apoio de voluntários para nossos projetos artesanais”, explicou.

Carlos Alberto Corrêa “Casagrande” e Rogério Alessi informaram sobre a participação de Prudente no encontro com empresários da Catalunha, que será realizado no dia 11 de junho em São Paulo. Na ocasião, Prudente estará representada pelo Prefeito Nelson Bugalho e Secretários Municipais em reunião com empresários espanhóis para busca de novos investimentos.

Por fim, Bruno Constantino di Colla, um dos organizadores da Expo Prudente 2019, apresentou problemáticas que necessitam do apoio tanto do Codepp quanto do Governo Municipal, variando desde adequações na estrutura do recinto Jacob Tosello até a prospecção de novos patrocinadores e parceiros para a feira agropecuária.

Assessora de Imprensa / Francinara Nepomuceno

Comentários