Via Rápida 18 – Alunos do Jepoe concluem etapa de profissionalização

93

Nesta quarta-feira, dia 30, nos períodos da manhã e da tarde os alunos participantes do Jepoe – Jovens no exercício do Programa de Orientação Estadual, concluíram a etapa de profissionalização prevista no curso. No período da manhã, no Centro Educacional Sesi, os beneficiários concluintes do curso de Auxiliar Administrativo, Noções Básicas de Informática, Atendimento ao Público e Contabilidade apresentaram à banca seus projetos de conclusão. Ambos avaliadores que compuseram a banca parabenizaram os gestores e os jovens do programa pelos projetos, e suas criações.

Já no período da tarde, foi realizado o encerramento dos beneficiários bolsistas do curso de Panificação e Confeitaria, na ocasião os alunos confeccionaram pratos doces e salgados que foram degustados por uma banca montada por autoridades municipais, empresários da área de panificação, representantes da empresa gestora do programa dentre outros. Na ocasião a prefeita Cássia Furlan parabenizou os jovens pela garra, persistência e foco na participação até a conclusão do projeto. E agradeceu o empenho de todos os envolvidos na gestão do programa no município.

JEPOE
O JEPOE, programa ligado à Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (SDECTI), é destinado ao desenvolvimento de jovens em situação de vulnerabilidade, por meio de participação em cursos de formação cidadã e qualificação profissional em atividades de interesse social junto à comunidade, atuando em campo em diferentes espaços urbanos. As atividades de interesse social junto à comunidade ocorrem de segunda a sábado, 4 horas por dia. O curso de Formação Cidadã teve a duração de um mês, com aulas de segunda a sexta. Já os de Qualificação Profissional contou com uma carga horária de 120 horas cada, sendo 4 horas por dia, de segunda a sexta, no contra turno das atividades de qualificação profissional. O objetivo do programa é contribuir para o fortalecimento de vínculos e para ampliação de perspectivas dos jovens quanto ao seu papel e participação na sociedade, além de colaborar para a segurança de cada uma das comunidades envolvidas.

AI PMPE / fotos ORINHO

Comentários