Mais de 50 mil eleitores da região de Presidente Prudente passam a ter obrigação de cadastrar biometria

66
Cadastramento biométrico do eleitorado é obrigatório — Foto: Renata Igrejas/Inter TV

Prazo para o procedimento em Dracena, Ouro Verde, Rinópolis e Salmourão começa na segunda-feira (5) e segue até o dia 19 de dezembro, sob pena de cancelamento do título.

A Justiça Eleitoral inicia nesta segunda-feira (5) o prazo de cadastramento biométrico obrigatório em quatro cidades da região de Presidente Prudente. No total, o procedimento abrange 53.255 eleitores em Dracena, Ouro Verde, Rinópolis e Salmourão.

Nestas cidades, o eleitor deve fazer a biometria até o dia 19 de dezembro, sob pena de cancelamento do título. Quem já se cadastrou não precisa repetir o procedimento.

Para a revisão do cadastro, o eleitor deve agendar seu atendimento no site do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) e comparecer ao cartório com documento oficial de identificação com foto, título eleitoral, caso possua, e comprovante de residência que tenha no máximo três meses de emissão.

O cidadão será fotografado e terá coletadas as impressões digitais dos dedos das mãos e a assinatura.

Até o momento, 14 municípios da região de Presidente Prudente já concluíram o cadastramento biométrico de seus eleitores: Caiabu, Indiana, Inúbia Paulista, João Ramalho, Junqueirópolis, Lucélia, Martinópolis, Mirante do Paranapanema, Piquerobi, Pracinha, Regente Feijó, Ribeirão dos Índios, Santo Anastácio e Taciba.

G1 PRUDENTE

Comentários